Fique por dentro

Postado em 17 de Dezembro de 2013 às 14h03

Comida engorda mais do que você pensa

Você sempre dá uma olhadinha no valor calórico de cada prato antes de escolher o que vai almoçar? Pode estar sendo enganado. Essa é a conclusão de um novo estudo, que avaliou 269 pratos de 42 lanchonetes e restaurantes e constatou que a realidade é mais engordativa: em média, as comidas têm até 100 calorias a mais do que está indicado no cardápio. Parece pouco? Se você trabalha e almoça fora de segunda a sexta, é o suficiente para ganhar 3,5 kg por ano - sem nem sequer saber o porquê.

O mais interessante é que essa diferença é maior justamente entre os pratos considerados light (com 625 calorias ou menos). "Os cozinheiros acabam exagerando na quantidade de comida, justamente porque os pratos leves parecem menores", diz Susan Roberts, doutora em nutrição humana e responsável pelo estudo, que foi realizado pela Universidade de Tufts (EUA). Já para quem gosta de comer bastante e não está nem aí, a pesquisa trouxe uma notícia boa. Os pratos com mais de 625 calorias têm valor energético inferior ao indicado no menu - em média, 10 calorias a menos.

O Congresso brasileiro está analisando um projeto de lei que obrigaria a todos os restaurantes do país a informar no cardápio o número de calorias de cada prato - como Nova York faz desde 2008. Mas talvez não adiante muito: um estudo com 15 mil nova-iorquinos concluiu que apenas 1 em cada 7 pessoas presta atenção às calorias no menu. Cada um sabe a dor e a (gor)delícia de ser o que é.

Fonte: Superinteressante

Veja também

Música reduz a dor durante o trabalho de parto, diz estudo20/11/14ouvir música durante o trabalho de parto tem um impacto positivo sobre a dor O controle e a prevenção da dor do parto são as principais preocupações dos médicos e suas pacientes. O objetivo de um recente estudo publicado em revista especializada de Ginecologia foi o de avaliar o efeito da música sobre a dor do parto e ansiedade, hemodinâmica materna, parâmetros fetais-neonatais e a exigência de analgesia......
Vacina em desenvolvimento pode controlar pressão por seis meses28/05/15 Quem sofre de hipertensão pode, no futuro, livrar-se da obrigação de tomar comprimidos diários. Cientistas estão desenvolvendo uma vacina capaz de controlar a pressão arterial por até seis meses, o que......
Anvisa divulga lista de remédios que poderão subir27/03/14Governo autorizou aumentos em mais de 9 mil medicamentos. Novos preços entram em vigor em 31 de março. A Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), órgão do governo formado por representantes de vários ministérios, autorizou nesta quarta-feira (26) o reajuste de até 5,68% nos preços de......

Voltar para Blog