Fique por dentro

Postado em 17 de Dezembro de 2013 às 13h59

Sal em medicamentos representa risco para a saúde do coração

Analgésicos solúveis podem representar um risco pela alta concentração de sal contida neles

Analgésicos solúveis podem representar um risco pela alta concentração de sal contida neles, alerta pesquisadores do Reino Unido, segundo a BBC. Algumas fórmulas chegam a ter mais sódio do que o recomendado diariamente para um adulto, dizem os autores do estudo.

O trabalho publicado no “British Medical Journal” analisou exames de 1,2 milhões de pacientes britânicos e encontrou uma relação entre as pastilhas e ataques do coração e acidente vascular cerebral.

Comparado a pacientes que tomavam a mesma droga sem sal, aqueles que tomavam com regularidade os medicamentos efervescentes ou solúveis aumentavam em um quinto o risco de ter uma complicação cardiovascular. Eles também eram sete vezes mais propensos a desenvolver pressão alta ou hipertensão, o que os pesquisadores dizem ser a raiz do problema.

FONTE: Panpharma
- Sabemos que o excesso de sal causa hipertensão e que a hipertensão leva ao acidente vascular cerebral - disse à BBC o autor principal do estudo, Jacob George, da Universidade Dundee.

A Fundação Britânica do Coração ressaltou que a pesquisa se aplicava a pessoas que ingeriam estes medicamentos todos os dias - não significa que um usuário ocasional teria algum prejuízo para a saúde.

Veja também

Entenda as diferenças entre medicamentos genéricos, similares e de referência14/01/16Saiba mais sobre cada tipo de produto e porque existe tanta diferença de preço entre eles Ao final de 2015, foram publicadas leis que alteraram o conceito de medicamento similar, o qual deverá ter a sua eficácia, segurança e qualidade comprovadas de forma equivalente à adotada para o medicamento genérico. Com isso, esse tipo de medicamento poderá substituir o medicamento de referência prescrito pelo médico, do mesmo modo que o genérico. O......
Vacina contra a dengue obtém sucesso em testes01/08/14Tipo hemorrágico da doença, o mais greve, obteve taxa de imunização próximo de 90%. Vacina é desenvolvida pelo laboratório Sanofi A revista científica inglesa The Lancet publicou na quinta-feira (10) um dos resultado da fase final de uma pesquisa de vacina contra a dengue, que apresentou eficácia de 88% contra o tipo hemorrágico da doença, considerado o mais......
É possível prevenir a calvície masculina?10/02/15Não dá para impedir o processo, mas é possível tratá-lo precocemente A alopecia androgenética, também conhecida como calvície masculina, é a maior causa da perda dos cabelos nos homens. A incidência dessa doença é determinada por influências genéticas, sendo que a......

Voltar para Blog